catracas

Catracas

O uso de catracas é essencial para o controle de acesso ao seu empreendimento. A adoção de catracas garante a segurança dos usuários permitindo somente a entrada de pessoas autorizadas.

 

Catracas com design, segurança e o preço que você procura!

Por que usar catracas eletrônicas?

Qualquer empresa que precise controlar o fluxo de acessos em suas instalações pode se beneficiar com o uso de catracas de acesso. Destacamos o avanço no número de implantações de portarias com catracas em indústrias, condomínios empresariais e residenciais, prédios públicos, hospitais e escolas, entre outros.

As catracas eletrônicas também são utilizadas em estádios, arenas e casas de show para o controle de acesso a eventos tais como jogos de futebol, shows ou qualquer outro onde o acesso deve ser restrito e controlado.

Além disso, desde a publicação da Portaria 1510 do MTE, que determina que o relógio de ponto não pode restringir os horários da marcação de ponto, o uso da catraca de acesso também se intensificou para garantir que os colaboradores cumpram as jornadas de trabalho previamente estabelecidas.

passando na catraca

Seja devido à crescente preocupação com segurança ou mesmo a necessidade de obter informações sobre os acessos, o uso de catracas tem aumentando em todos os segmentos de mercado nos últimos anos. E para atender às diferentes necessidade de cada situação a Topdata oferece diversos modelos:

Catraca eletrônica que alia estética e funcionalidade, ideal para ambientes de alto padrão.
Catraca de acesso simples e discreta para qualquer perfil de empreendimento.
Catraca em inox para locais onde a estética e a segurança devem andar juntas.
Catraca para cadeirante e pessoas com necessidades especiais.

Catracas para academias

Uma aplicação bastante comum atualmente é a catraca para academia, que consegue garantir que somente clientes matriculados e em dia com exames e pagamentos possam ter acesso as instalações da academia. Esse é um exemplo de aplicação onde as catracas são fundamentais para manter a rentabilidade do negócio.

Nesse caso as catracas são instaladas nas portas de acesso à academia e os usuários se identificam no momento da entrada através de cartões, digitando uma senha ou no caso de uma catraca biométrica, pela impressão digital. O sistema verifica se o aluno está liberado para acesso na academia, podendo avaliar critérios como horário de acesso dentro do contratado, mensalidades, exame médico em dia e libera ou não a entrada do aluno.

 

Administradora de portaria

Por que comprar catracas da Topdata?

Temos mais de 25 anos de experiência no desenvolvimento e  produção de diversos modelos de catracas. Oferecemos catracas biométricas ou catracas com leitor QR Codecatraca RFId, urna coletora para cartões de visitantes, braço articulado para saídas de emergência e muitas outras configurações para atender as suas necessidades com o melhor preço.

Confira abaixo algumas perguntas frequentes sobre Catracas

O que é uma catraca?

Catraca é um dispositivo que permite a passagem de apenas uma pessoa por vez, para controlar o acesso a locais restritos.

O que é uma catraca eletrônica?

Uma catraca eletrônica, ou catraca de acesso, utiliza um circuito eletrônico para identificar o usuário e verificar regras de acesso. Com base na aplicação dessas regras a catraca pode liberar ou bloquear a passagem do usuário.

Quais são as aplicações para catracas?

Catracas são largamente utilizadas em portarias de prédios, academias, empresas, escolas, hospitais, estádios e eventos. Também são utilizadas em locais de consumo controlado, como refeitórios e panificadoras.

Quais são as regras de controle de acesso de uma catraca?

Quando um usuário é identificado na catraca, é feita uma consulta das regras configuradas para que o seu acesso seja liberado ou bloqueado. As regras incluem o dia e o horário de acesso, e a consulta de listas de liberação ou bloqueio. Também podem ser definidas regras customizadas de acordo com cada aplicação, por exemplo: verificação de mensalidade paga, exame médico em dia, validação de número de créditos, entre muitas outras.

Quais são os modelos mais comuns de catracas?

O modelo mais comum é a catraca de 3 braços. Em repouso, a passagem é bloqueada por um braço na posição horizontal. Quando o usuário passa o conjunto de braços gira.

A catraca pode ser do tipo Pedestal, quando é um modelo mais compacto, ou do tipo Balcão, quando possui um formato mais alongado.

Como as catracas identificam uma pessoa?

Existem várias tecnologias disponíveis para a identificação das pessoas. Pode ser feita a identificação biométrica, através da impressão digital ou do reconhecimento facial. Também podem ser utilizados cartões e senhas. Uma tecnologia que está cada vez mais comum é o código de barras QR Code, em função da comodidade proporcionada pelo uso do telefone celular.

Como a catraca se comporta quando falta energia?

É muito importante observar como a catraca se comporta na falta de energia, uma vez que isso pode variar de modelo para modelo. É fundamental que na falta de energia o giro dos braços fique liberado, para possibilitar a saída de pessoas em caso de emergência. Também existe um acessório que é o braço articulado. Nesse caso, quando falta energia o braço cai para a posição vertical, deixando a passagem livre.

Por quanto tempo a catraca libera a passagem do usuário?

O tempo de liberação da catraca eletrônica é configurável. Em geral o tempo fica em torno de 5 segundos. A catraca volta a ficar bloqueado assim que um usuário liberado passa por ela.

Como é feita a sinalização da catraca?

Uma catraca eletrônica sinaliza a liberação da passagem através de mensagens em um display, além de sinalização sonora e sinalização visual através de pictogramas. Esses pictogramas normalmente são setas que acendem indicando o sentido de liberação. Alguns modelos também utilizam pictogramas laterais para orientar o sentido de fluxo na catraca.

Como é feito o controle de visitantes em uma catraca?

Uma forma muito comum para o controle de visitantes é o uso de um cartão, que é entregue na portaria após o cadastro. Esse cartão dá acesso ao visitante pela catraca. Na saída, o cartão pode ser devolvido na própria catraca, quando ela possui uma urna coletora. Nesse caso, a saída do visitante só é liberada após a devolução do cartão.

Em alguns locais é feito o cadastro biométrico do visitante, o que aumenta o grau de segurança da solução.

Uma tecnologia bastante interessante é o envio de um código QR Code para o telefone celular do visitante. Esse código pode ter a validade definida para determinado dia e hora, o que aumenta a agilidade da aplicação, permitindo que o visitante se dirija diretamente à catraca ao chegar no local.